Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

As minhas neuras!

...neuras, desabafos, coisas sem nenhum interesse, palavras soltas, cenas assim. Estranhas. Ou não.

As minhas neuras!

...neuras, desabafos, coisas sem nenhum interesse, palavras soltas, cenas assim. Estranhas. Ou não.

♥ Ainda não fiz a minha árvore de Natal!

Como é possível?! Eu, uma natalholic assumidíssima, ainda não tem a árvore montada. Shame on me! 

... 

2º porque meti na cabeça que queria uma árvore verde. Temos uma árvore linda, de 210cm há vários anos, mas branca. E estava farta de branco. Andei nas lojas a ver preços, e eram caríssimas para a altura que eu queria. Tinha de ser grande, 210cm, de preferência. Para pequena já basto eu e a minha sala pede uma árvore grandota.

Então, devido à minha forretice de não querer gastar 100/150€ numa árvore, resolvemos... pintar a branca com spray verde!!!! ahahahah Yep, sábado de tarde lá fizemos a pintura e correu lindamente. Gastámos 2 latas de spray, porque queriamos deixar as pontas mais brancas (cor original) para dar o efeito de neve. Oh pá, ficou um espetáculo! Deixámos a secar no jardim mas choveu durante a noite  e agora está na garagem a secar completamente antes da decoração. Depois mostro o resultado final. Prometo. 

...

 

*Editei para colocar a fotografia da árvore a ser grafitada eheheh

0.jpg

 

...

Adoro desafios ou não fosse eu Carneiro de signo. Tudo o que mais me chateia é o aborrecimento, a rotina, o "não há nada de novo". A minha vida profissional rege-se por desafios todos os dias, mas com o passar dos anos (desde 2005 que estou na casa), por muita novidade que haja, instala-se sempre as mesmas caras, os mesmos problemas, as mesmas respostas, por aí. 

Mas a vida trouxe-me um rebuçado.
Com o despedimento de um colega, propuseram-me abraçar um projeto que ele começou, que precisa ainda de muito trabalho e dedicação. Após a minha visita ao departamento dele na semana passada, para ele me pôr ao corrente da situação, fui para casa com o bichinho de que conseguia ir em frente com aquilo. Que sou capaz de pôr tudo a mexer, que era menina de agitar as águas e levar a bom porto os objetivos a que nos propomos. Mas apenas conversei com o meu Amor sobre isto. 

Ontem recebi um telefonema. Era o tal convite, para o desafio do projeto, por parte de quem manda naquilo. E fiquei contente. Muito contente por terem confiado em mim, de acreditarem que sou capaz, de me darem valor e de saberem que consigo mesmo (!) o que querem e que eu também quero. 

Porque afinal, uma empresa vencedora só é magnífica quando as equipas se juntam e lutam para o mesmo lado. E estamos todos, finalmente, conscientes disso. E só temos (ainda mais) a ganhar. Terei de começar várias coisas do zero, mas a vida é mesmo assim. Há alturas em que é preciso recuar 3 passos para trás, para avançar 50 para a frente. 

Ressaca emocional - parte 2

aqui tinha escrito que sofro de ressaca emocional. Hoje estou num desses dias.

Foi um fim de semana pesado, entretanto o meu filho está com uma amigdalite, entretanto estive num tribunal várias horas, como testemunha num processo, e só fui ouvida às 16h de ontem (finalmente!), e hoje estou como se tivesse passado um camião em cima. A cabeça pesa toneladas, o corpo está em modo "quero repouso" e o coração tem dado umas trancaditas marotas por cansaço psicológico. Preciso de um spa. 

 

O cancro, o maldito cancro ♥

A M. tinha 48 anos. Era "família emprestada" e sempre me habituei a ela nas festas familiares. De sorriso fácil, de uma simpatia muito dócil e meiga. Amava a filha, o orgulho que tinha quando falava dela era gigante. Amava o marido, que o encontrou por acaso, já fez 25 anos, quando ele andava na tropa e nunca mais se largaram. A M. era das melhores pessoas que conheci na vida e a sua paixão pelos animais era um exemplo para mim.

A M. descobriu que tinha cancro no ano passado. Junho 2018. Fez quimioterapia, caiu-lhe o cabelo e passou todo o processo já (infelizmente) tão conhecido nos dias de hoje, foi operada em Setembro e tudo corria dentro do esperado. Voltou a crescer o cabelo, voltou a ter tanta esperança que tinha vencido que a vida era agora um privilégio.

Até Abril deste ano. Em que as metásteses foram o xeque-mate do cabrão do cancro. 

A M. morreu no sábado. Puta que te pariu, ó maldita doença. 

Voto de confiança ao meu filho ♥

Devido ao horário escolar, o meu filho vem de autocarro para a escola 3 vezes/semana. Só tem aulas de tarde nesses dias. Na semana passada comprei-lhe os bilhetes para 10 viagens (fica mais barato do que comprar unitário) e a minha Mãe veio com ele, para que se habituasse à viagem de autocarro, à caminhada até à escola, enfim. Avó/Mãe galinha em ação. 

Hoje foi a 1ª viagem dele sozinho. Ontem disse-me "mãe, não te preocupes, eu sei ir sozinho", enquanto preparava a mochila. Repeti os conselhos que lhe dei uns dias antes, de não falar com estranhos, de não parar em lado nenhum a conversar com estranhos, que se alguém lhe dissesse que o levava até à escola para não ligar e seguisse caminho, e que se precisasse de ajuda que me ligasse ou fosse ter com algum adulto. Sim, essa treta que também ouvi da minha mãe e que nunca é demais. 
Hoje eu estava aqui com os nervos lol e pedi-lhe que ele me desse um toque quando chegasse à escola. E assim fez. E correu tudo bem.

O meu menino é um mocinho com 12 anos, está mais alto do que eu, já calça o 42 (oi?), mas será sempre o meu menino. O meu bebé de 2540g e 46cm. E quando ele me disser "Mãe, vou morar sozinho ou com X", acho que me vai dar um ataque de choro. 
Sim, os filhos ganham asas, mas custa vê-los crescer tão depressa. 

A saga das infeções urinárias... to be continued

Ora portanto, desde o início do ano que o Sistema Nacional de Saúde deve andar a dizer "mas esta gaja não tem mais nada que fazer, do que andar nos hospitais?!
Pois. 

Este fim de semana voltei a ter uma infeção urinária. A última tinha sido em julho, tomei a amoxicilina. Desta vez, foi igual à de janeiro. Igualzinha. Aproveitei que tenho um hospital próximo que tem aquelas consultas abertas até às 24h e lá fui eu, no sábado, com as queixas do costume e o xixi já com sangue vivo. Esperei uns looooongos 20 minutos (quem sabe o que é uma infeção urinária sabe que 1 minuto é como se fosse 1 hora e só nos apetece ver uma sanita à frente). 
Tive de explicar ao médico que ando a ser acompanhada em Medicina Interna por Hipocalemia (com causa desconhecida), já que os medicamentos para o trato urinário pode interferir com o potássio e a última coisa que quero é vê-lo a descer. Ando a esforçar-me tanto para o manter acima do mínimo (estava a 3.7 no dia 13/09/2019 - rejubilemos ), que o médico que me atendeu às 22.30h foi exemplar comigo e fui maravilhosamente bem atendida. 

Antibiótico nitrofurantoina (Furadantina), 12/12horas, durante 7 dias. Buscopan para o alívio das dores. E a saga continua... 

Tirar ideias gastronómicas das ementas escolares

Sim, isso mesmo .
Tenho por hábito ir ver ao GIAEonline a ementa da cantina da escola onde o meu filho almoça e confesso que tiro belas ideias para os jantares dos dias seguintes. Já me aconteceu não ter nada programado e ter dito para mim mesma "logo o jantar vai ser chocapic (nem sopa tenho feita) e kérolásaber #umdianãosãodias" e eis que na lista da escola me aparece uma catrefada de boas opções. Sou uma copiona das ementas. 

Este ano escolar chegamos a casa sempre depois das 18.30h. Ora, eu, estou mal habituada porque o meu horário de sair do trabalho é às 17h e por norma chegava a casa sempre 1hora mais cedo do que agora. Desta feita, tenho mesmo de me aplicar e fazer uma lista dos jantares para a semana toda. Assim escuso de andar a moer com o que vou fazer quando chegar a casa.

E vocês, têm já por hábito ter os jantares semanais programados? Funciona bem? 

Mais sobre mim

foto do autor

Calendário

Dezembro 2019

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D