Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As minhas neuras!

...neuras, desabafos, coisas sem nenhum interesse, palavras soltas, cenas assim. Estranhas. Ou não.

As minhas neuras!

...neuras, desabafos, coisas sem nenhum interesse, palavras soltas, cenas assim. Estranhas. Ou não.

25.10.18

Esta noite tive mais uma crise de batimentos cardíacos. A última tinha sido em Agosto, fins, estava eu de férias em Peniche. Aparece do nada.

Deito-me, com sono. Estou naquela fase de fechar os olhos para dormir, agarrada ao marido, e o coração começa a bater mais acelerado. Não estou bem deitada. Incomoda. Não doi. Apenas incomoda. E sinto o formigueiro a percorrer o corpo, na zona do ventre. E fico cada vez mais incomodada. Levanto-me e vou à cozinha beber água. O marido já dorme, cansado de um trabalho exigente. Volto a deitar-me. Ainda os mesmos sintomas. Bela merda, penso pra mim. Acalma-te e dorme, tento eu relaxar. Nada. 2 minutos depois volto à cozinha e tomo um Valdispert stress, que tem sido meu amigo quando estou mais eléctrica. Volto para a cama. Esfrego as mãos, as pernas. Acordo o meu Amor. Conto-lhe. Abraça-me, dá-me aconchego e mimos. Respiro fundo tantas vezes. 20 minutos e volto a tentar dormir. O efeito do valdispert deve começar a fazer efeito. 30 minutos. 1 hora a esfregar o peito, como que a dizer ao coração "tens de te acalmar". E acalmou. A última vez que olhei para o relógio foi às 01:23h. 

Ressaca emocional. Tive um fim de semana complicado, com muitas decisões para tomar. Inicio dos testes do meu filho, acompanhados com alguns problemas escolares. No meio disto tudo, estou na semana da menstruação.

Merda. Mil vezes merda pra isto. 

Como estou hoje? Elétrica, ainda. Daqui a pouco devo tomar outro valdispert, quando lanchar. 

Minha gente, estou tão cansada! 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D