Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

As minhas neuras!

...neuras, desabafos, coisas sem nenhum interesse, palavras soltas, cenas assim. Estranhas. Ou não.

As minhas neuras!

...neuras, desabafos, coisas sem nenhum interesse, palavras soltas, cenas assim. Estranhas. Ou não.

30.09.19

O cancro, o maldito cancro ♥

A M. tinha 48 anos. Era "família emprestada" e sempre me habituei a ela nas festas familiares. De sorriso fácil, de uma simpatia muito dócil e meiga. Amava a filha, o orgulho que tinha quando falava dela era gigante. Amava o marido, que o encontrou por acaso, já fez 25 anos, quando ele andava na tropa e nunca mais se largaram. A M. era das melhores pessoas que conheci na vida e a sua paixão pelos animais era um exemplo para mim.

A M. descobriu que tinha cancro no ano passado. Junho 2018. Fez quimioterapia, caiu-lhe o cabelo e passou todo o processo já (infelizmente) tão conhecido nos dias de hoje, foi operada em Setembro e tudo corria dentro do esperado. Voltou a crescer o cabelo, voltou a ter tanta esperança que tinha vencido que a vida era agora um privilégio.

Até Abril deste ano. Em que as metásteses foram o xeque-mate do cabrão do cancro. 

A M. morreu no sábado. Puta que te pariu, ó maldita doença. 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D